Psicoterapia On-line

SAÚDE MENTAL AO ALCANCE DE TODOS!

O que é psicoterapia?
Autoconhecimento é o princípio. A partir do momento que você passa a reconhecer as suas potencialidades e as suas dificuldades terá a possibilidade de fazer escolhas que atendam e entrem em consonância com a sua essência. Essa simples ação muda tudo!

Ao longo da vida nos distanciamos de nós para atender as necessidades e expectativas dos outros. Ao realizarmos esse movimento de busca por aceitação, por reconhecimento e atenção vamos nos perdendo de nossa essência.

Quando isso acontece, o nosso corpo começa a falar e então nos deparamos com sintomas físicos (alergias persistentes, insônia, dores crônicas, taquicardia, obesidade, falta de libido, imunidade baixa, dor de cabeça constante, entre outros) e ainda, os sintomas emocionais (compulsão, obsessões, ansiedade e depressão).

Se você se identificou é hora de buscar ajuda! Lembre-se! Primeiro colocamos a máscara de oxigênio em nós e somente depois ajudamos os outros.

A psicoterapia vai atuar de forma integral na sua vida favorecendo o auto conhecimento de si, ela auxiliará no seu desenvolvimento pessoal, profissional, social e familiar.

Agende sua consulta!

Andreza Aretakis - Psicóloga CRP02: 13093


Geralmente a psicoterapia é indicada para pessoas que estão passando por alguma dificuldade de relacionamento seja no campo profissional, social e/ou familiar.  

Quando estão vivenciando o luto (por morte, separação, mudança nas rotinas, entre outros) e principalmente, quando a pessoa já esta adoecida (ansiedade, depressão ou transtornos e distúrbios diversos).

Porém, precisamos desmistificar a busca por psicoterapia apenas quando não estamos bem. É necessário compreender que Psicoterapia é autoconhecimento!

É extremamente prazeroso debruçar-se sobre si mesmo e encontrar todo potencial que você nem sabia que existia.

Sim! Você é dotada de muitas potencialidades.

Precisamos começar a cuidar de nossa saúde mental com a mesma prioridade e rotina que cuidamos da nossa saúde física.

Prevenção é a chave!
Cada caso será avaliado individualmente. Não há como estipular previamente isso. A quantidade de sessões pode variar ao longo do processo terapêutico, mas isso é acordado entre psicoterapeuta e paciente. 
Algumas pessoas tem receio sobre o que fazemos com informações tão íntimas, mas fiquem tranquilos, o psicólogo tem um código de ética profissional e lhe é vedado realizar qualquer ação que promova a divulgação de informações particulares, salvo em casos previstos em lei que dizem respeito a preservação da vida.
Existem planos de saúde que realizam reembolso mediante a apresentação de documentação específica. Embora não aceite planos de saúde, posso fornecer as minhas documentações (relatórios, recibos e notas) para que você possa solicitar esse benefício.
O Conselho de psicologia fornece uma tabela com as referências de honorários para cada serviço prestado pelo psicólogo.

Buscamos seguir os parâmetros de forma a agregar qualidade ao serviço.

Afinal, não é apenas escutar o paciente! Existe muito estudo, cursos, supervisão e análise pessoal. A escuta se refere aquele tempo semanal com o paciente, no entanto, ao longo da semana nos debruçamos sobre cada caso para estudar de forma a construir estratégias de trabalho que façam o paciente evoluir.

A definição do valor do atendimento será construído conjuntamente (psi e paciente) utilizando como critério a tabela de referência, a quantidade de atendimentos semanais e as possibilidades econômicas do paciente naquele momento.
 

Alguns psicólogos separam um dia da semana para a realização de atendimentos sociais. Esses atendimentos costumam ter um valor bem abaixo da tabela do Conselho de Psicologia.

Porém, devem manter a mesma qualidade. Muitas instituições de ensino oferecem esse tipo de serviço. As universidades, faculdades, cursos de pós graduação, geralmente disponibilizam atendimentos sociais a população que não consegue pagar pelas consultas, ou só conseguem pagar um valor simbólico.

Caso você tenha o perfil para atendimento social procure se informar nas universidades da sua região.

Eles poderão te acolher e cuidar da sua saúde mental!

Lembre-se você é importante!

TRANSTORNOS DE ANSIEDADE

Transtorno de ansiedade, Transtorno de ansiedade generalizada (TAG), Transtorno de estresse pós traumático (TEP), Transtornos de adaptação, Transtornos de estresse agudo e Transtorno obsessivo-compulsivo. Não faça autodiagnóstico! Procure um profissional de saúde mental!

TRANSTORNOS DO HUMOR

Depressão, Depressão pós parto e Transtorno Bipolar. Não faça autodiagnóstico! Procure um profissional de saúde mental!

ORIENTAÇÃO PARENTAL - PARENTALIDADE

Questões envolvendo a construção da parentalidade: Desmame, sono, alimentação, escolha da creche, adaptação escolar, birras, mordidas, atrasos no desenvolvimento, medos, comunicação, uso de telas, entre outras temáticas da infância.

Atendimentos Presenciais

Os atendimentos presenciais são realizados em consultório em horários e dias previamente acordados.

Atendimentos on-line

Os atendimentos on-line são realizados pela plataforma do Google Meet com horários fixos e previamente agendados.

Atendimentos Híbridos

Os atendimentos na modalidade híbrida trazem a flexibilidade para você escolher entre fazer psicoterapia de forma presencial ou on-line a critério da sua disponibilidade.

Supervisão clínica

Supervisão e estudo de caso para psicólogos. Acontecem na modalidade presencial e on-line.

Palestras, Aulas e Cursos

Consultoria em creches e escolas. Treinamento de professores, palestras para pais, Rodas de conversas, Lives, entre outros.

Supervisão clínica

Supervisão e estudo de caso para psicólogos.

Acessibilidade: A terapia online pode ser uma ótima opção para pessoas que vivem em regiões com acesso limitado a serviços de saúde mental.
Também é útil para aqueles com limitações físicas que tornam difícil sair de casa.

Conveniência e Economia: As sessões podem ser realizadas de qualquer lugar com uma conexão à internet, eliminando o tempo de deslocamento, gastos com o deslocamento (ônibus, Uber, Taxi, pagamento de estacionamento e combustível).
Isso pode facilitar a conciliação da terapia com outras responsabilidades, como trabalho e cuidados familiares.

Flexibilidade de horário: Muitos terapeutas que oferecem serviços online têm horários mais flexíveis, o que pode ser ideal para clientes com agendas apertadas ou que trabalham em horários não convencionais.

Privacidade: Algumas pessoas podem se sentir desconfortáveis ao visitar um consultório de terapia e a terapia online oferece uma camada adicional de privacidade.

Redução de estigma: Para alguns, a ideia de receber terapia ainda carrega um estigma. Acessar a terapia online de forma privada pode ajudar a superar essa barreira.

Continuidade do tratamento: Em situações como viagens ou mudanças, a terapia online permite a continuidade do tratamento sem interrupções.


Não. É importante reconhecer que a terapia online pode não ser adequada para todos os tipos de problemas ou preferências individuais. Questões como a severidade dos sintomas, a preferência por contato pessoal ou dificuldades tecnológicas podem influenciar a eficácia da terapia online para algumas pessoas.

Avaliar cuidadosamente as necessidades e preferências pessoais é crucial ao considerar essa opção de tratamento.
Duração: 50 min. (Geralmente 1 Sessão semanal, mas cada caso será avaliado individualmente);

Sessões: São pré-agendadas (sempre no mesmo dia e horário);

- As sessões podem ser reagendadas quando necessário, porém a comunicação da ausência e da posterior reposição (com reagendamento), seja feita com no mínimo de 24h de antecedência;

- Caso a comunicação da ausência seja realizada fora do prazo, a sessão será computada, visto que não há tempo hábil de reorganizar os horários.

Link: Um novo link é enviado para cada sessão via WhatsApp. Esse envio é realizado com 24h de antecedência.

No dia da sessão:

- Conferir se a internet está funcionando;
- Conferir se microfone e câmera estão funcionando;
- Entrar no link no horário agendado;

IMPORTANTE: Procure um espaço privativo e com mínimo de ruídos onde você possa se sentir seguro e confortável para se expressar; Certifique-se de que não será incomodado durante esses 50 min. Lembre-se que esse é um espaço individual! É o seu momento!
Trajetória Profissional - Andreza Aretakis
Me formei em psicologia no ano de 2005 na cidade de Brasília-DF. Voltei para Recife, minha cidade natal, e cursei Especialização em Saúde Mental. Fomos transferidos para Fortaleza e lá cursei Especialização em Psicoterapia Psicanalítica e depois em Neuroeducação. Voltando para Recife entrei no Mestrado em Psicologia da Saúde e hoje curso o Doutorado em Psicologia Clínica.

Atualmente desenvolvo minha tese de doutorado e a pesquisa é sobre "Tornar-se pais e filho na alta pandemia da Covid-19: um estudo sobre a construção da parentalidade e suas ressonâncias no desenvolvimento infantil".

Atuo em consultório particular e tenho como foco de atendimento as mulheres e as questões referentes a parentalidade. Trabalho com projetos e palestras referentes as diversas questões relativas a promoção de saúde mental.

Durante a minha trajetória realizei atendimentos com bebês, crianças e suas famílias. A parentalidade sempre fez parte de minha vida profissional. Foram quase 20 anos de atuação em creches e escolas de grande porte, onde pude orientar diversas famílias e profissionais da educação.

A primeira infância é uma grande paixão, pois compreendo que ao cuidar dos primórdios estamos cuidando do futuro. Ela é a base! Dedicar um trabalho e um olhar para os cuidadores primordiais (pais e mães) é proteger e favorecer a saúde e o desenvolvimento infantil.


Andreza Aretakis - Psicóloga CRP02: 13093
Quem sou?
Me chamo Andreza! Sou mãe de Mel e Mama. Sou mãe pet canina de Lunna. Avó dos pet aves Faísca e Rosen, da canina Zoe e da equina Penélope. Sim! Amo os animais.

Estou sempre pronta para uma aventura em família, viagens de última hora (Que são as melhores, né?), papos com as amigas, uma boa leitura e refeições regadas a um ótimo vinho.

Gosto do campo, cheirinho de chuva, plantas e cavalos. O café não pode faltar em minha rotina, assim como, um sushi e ostras durante a semana. Estou aprendendo a gostar da academia (rsss).

Faço análise e busco constantemente conhecimento sobre mim, sobre as pessoas, sobre a vida... Acho que é isso! Podem me conhecer mais por aqui!

Andreza Aretakis - Psicóloga CRP02: 13093
  • Rua Antônio Lumack do Monte, 128 - Boa Viagem, Recife - PE, Brasil
  • Empresarial Center III- For Life - Saúde Integrada Próximo ao Shopping Recife
Setembro Amarelo: Toda vida importa!

Palestra realizada na OAB-Jaboatão dos Guararapes em Setembro 2023! Campanha de prevenção ao suicídio! Toda vida importa!

Leia Mais  
E se precisar, comece de novo...

A saúde mental impacta significativamente em várias áreas da vida de uma pessoa, incluindo: 1. **Saúde Física**: Problemas de saúde mental podem afetar o corpo, levando a condições como doenças cardíacas, ganho ou perda de peso, e problemas no sistema imunológico. 2. **Relacionamentos**: Desafios de saúde mental podem afetar a capacidade de uma pessoa de se comunicar e interagir com os outros, o que pode levar a dificuldades em relacionamentos pessoais e profissionais. 3. **Desempenho no Trabalho ou na Escola**: A saúde mental pode afetar a concentração, a memória e a capacidade de tomar decisões, impactando o desempenho no trabalho ou nos estudos. 4. **Qualidade de Vida**: Problemas de saúde mental podem diminuir a qualidade de vida de uma pessoa, afetando sua capacidade de desfrutar de atividades diárias e alcançar objetivos pessoais. 5. **Comportamento**: A saúde mental pode influenciar o comportamento, levando a escolhas de estilo de vida pouco saudáveis, como abuso de substâncias ou negligência de cuidados pessoais. 6. **Saúde Emocional**: Problemas de saúde mental podem resultar em emoções negativas intensas, como tristeza, ansiedade, raiva ou desespero. 7. **Cognição**: A saúde mental afeta a forma como uma pessoa pensa, incluindo padrões de pensamento, crenças e habilidades de resolução de problemas. Manter uma boa saúde mental é essencial para uma vida equilibrada e satisfatória. É importante buscar ajuda profissional se os desafios de saúde mental estiverem impactando negativamente essas áreas. #psicoterapia #psicoterapiaonline #psicanalise #saúdemental #janeirobranco

Leia Mais  
E se tivesse sido diferente...

Refletir sobre “como as coisas poderiam ter sido” é um processo mental conhecido como pensamento contrafactual. Embora às vezes possa ser útil para aprendizado e planejamento futuro, frequentemente pode levar a sentimentos de arrependimento, tristeza e ansiedade, impactando negativamente a saúde mental. Quando esses pensamentos são focados em eventos negativos e acompanhados de sentimentos de arrependimento ou culpa, podem contribuir para a depressão e ansiedade. Isso pode ser especialmente prejudicial se a pessoa se fixa em cenários irreais ou inalcançáveis, levando a um ciclo de pensamentos negativos. Por outro lado, usar pensamentos contrafactuais de maneira construtiva, como uma ferramenta para aprender com erros passados e planejar ações futuras de maneira mais eficaz, pode ser benéfico. A chave é o equilíbrio e a perspectiva correta. Se alguém se encontra preso em um ciclo de pensamentos “e se” que causam angústia, pode ser útil buscar o apoio de um profissional de saúde mental. #saudemental #psicoterapia #psicoterapiaonline #psicanalise

Leia Mais  
Janeiro Branco

Janeiro Branco é uma campanha que busca conscientizar sobre a importância da saúde mental. A psicoterapia é fundamental nesse contexto, pois oferece um espaço seguro para lidar com questões emocionais, aprender habilidades de enfrentamento e promover o bem-estar psicológico. Ajuda a compreender e resolver conflitos internos, fortalecendo a saúde mental. #janeirobranco2024🤍 #saudemental #psicoterapiaonline

Leia Mais  
7 sinais de que você está sofrendo com ansiedade

A ansiedade é um transtorno psicológico que afeta milhões de pessoas ao redor do mundo. E muitas vezes, pode ser difícil reconhecer os sintomas e buscar ajuda. Neste artigo, vamos identificar 7 sinais de que você está sofrendo com ansiedade e como lidar com essa condição.

Leia Mais  
O antimaternalismo como movimento social

Este artigo analisa o antimaternalismo como um movimento social que questiona a pressão social e cultural sobre as mulheres para se tornarem mães, explorando suas origens, objetivos e impactos.

Leia Mais  
Saúde mental em foco: a importância de cuidar de si mesmo

Entenda a importância de cuidar da sua saúde mental e como isso pode afetar positivamente a sua vida. Saiba como praticar autocuidado e adotar hábitos saudáveis para promover o bem-estar emocional.

Leia Mais  
Maio Laranja - Violência Psicológica!

A Violência psicológica é devastadora!

Leia Mais  
Super Mulher: Queremos mesmo esse título?

Super mulher? Você quer mesmo esse título?

Leia Mais  
Dia das mães: O que é maternidade?

Parabéns a todas por sua resistência, sua força e seu amor!

Leia Mais  
Maio Furta-Cor: Saúde Mental Materna Importa!

Maio Furta-Cor: Saúde Mental Materna Importa!

Compreenda o porquê de criar um mês dedicado a Saúde Mental Materna.

Leia Mais